Quando o declínio da civilização ocidental revela sinais evidentes, é reconfortante e encorajador o exemplo destes 50 resistentes numa central nuclear em ruptura iminente, algures a oriente, no Japão.

Anúncios