Etiquetas

,

Se quanto à tradução do título original estamos conversados (…), eis um filme que surpreende pelo ar (aparentemente) leve que dele emana, muito embora todo o argumento gire à volta do complexo de culpa que paira sobre duas famílias vizinhas em Nova Iorque. Numa época marcada pelo egoísmo, mas ao mesmo tempo, pelos contrastes solidários que a crise económica e financeira tem proporcionado, nunca um título original foi tão premente, com as inerências que dele decorrem…

Ah, e já vos falei de Amanda Peet? E de Rebecca Hall (a Vicky de “Vicky Cristina Barcelona”)?

Trailer:

Anúncios