Etiquetas

Eleger é escolher, o que por definição implica deixar de fora: a escolha dos três finalistas da Bola de Ouro, que contemplou o trio maravilha do Barcelona, comete uma injustiça do tamanho do continente sul-americano, deixando de fora o holandês Wesley Sneijder que em 2010 foi “só” campeão italiano e vencedor da Liga dos Campeões (com o Inter de Milão) e Vice-Campeão Europeu pela Holanda…

Anúncios