Etiquetas

,

Será possível retratar um casal de “fufas” e os seus dois filhos adolescentes, sem cair no estereótipo da “luta de classes”, mostrando um lado muito humano e, até, humorístico?

Este Os Miúdos Estão Bem, que estreou ontem, vive sobretudo das excelentes actuações do triângulo composto por Julianne Moore, Annette Bening e um fantástico Mark Ruffalo (que rouba todas as cenas), girando o argumento ao redor da inquieta descoberta da verdadeira paternidade dos dois adolescentes, filhos do mesmo pai, mas com mães distintas…

Confusos? Apesar da descrição resumida, garanto-vos que se vê muito bem o filme e se antecipa alguns dos problemas que as políticas de “modernidade” dos Sócrates e Zapateros desta Europa irão criar às futuras gerações…

Trailer:

 

Anúncios