Afinal esta notícia vem confirmar esta outra, já aqui mencionada: tal como o nosso PR, José Manuel Fernandes incorreu no vício da comunicação tardia – se decidiu sair do Público no início de Julho por que razão adiou até hoje a comunicação oficial? Entretanto, não só deu origem a muita boataria como se prestou a ficar muito mal na fotografia do caso das escutas…

E a história da sua renúncia continua, a meu ver, a merecer melhores explicações.

Anúncios