Etiquetas

,

Nunca se escondeu por aqui uma certa simpatia pela bloquista Joana Amaral Dias: pelos vistos, também o nosso PM partilha desse sentimento, mas tem vergonha em confessá-lo.

Esta história mal contada do duplo convite (parlamento e/ou IDT) que nunca aconteceu na versão Sócrates, é mais uma das “verdades” a que o PM nos habituou, revelando a incapacidade total do PS, nestes dias, de congregar todas as esquerdas.

Primeiro, com a “deserção” de Manuel Alegre, depois com o convite aos lobbies da “cultura” (Inês de Medeiros) e gay (Miguel Vale de Almeida), o PS e Sócrates andam claramente a pescar em territórios caros à esquerda, prenunciando, a título de mero exemplo, a anunciada legalização do casamento homossexual: ou alguém tem dúvidas que esta será a grande bandeira de Vale de Almeida no parlamento?

Anúncios