Vejo, com crescente preocupação, os efeitos directos e indirectos da mega-fraude que levou à detenção na passada 5.ª feira, em Nova Iorque, de Bernard Madoff, reputado gestor financeiro que, segundo tudo indica, planeou e  levou à prática, durante décadas, um esquema fraudulento assimilável, mais nos princípios que no grau de sofisticação,  ao da famigerada D. Branca.

Segundo leio aqui as repercussões no sector financeiro, à escala global, estão longe de estar determinadas, incluindo mega Bancos como o Santander, BNP Paribas, etc…

Tudo aponta, antes de mais, para uma falha grave de supervisão das autoridades Americanas, misturada com a famigerada “desregulamentação” que preside à actuação dos Hedge Funds que confiaram largas somas dos seus clientes à gestão “criteriosa” de Madoff. E, como quem investe nestes fundos não é propriamente remediado, são de esperar perdas exorbitantes, apontando-se para a casa das dezenas de milhar de milhão de dólares (+- 50.000.000.000).

Anúncios